terça-feira, 10 de maio de 2011

POLICIAL CRISTÃO PODE MATAR? Pergunta de um jovem feita pra mim.

 
MISSÃO DADA É MISSÃO CUMPRIDA
Policiais do Bope carregam corpo de traficante morto em confronto: tropa treinada para não fazer reféns

Um policial militar morreu após ser baleado na tarde desta quarta-feira (2010) na avenida Rio Branco, no centro do Rio de Janeiro, segundo informações da assessoria de imprensa da corporação.


CRISTÃO PODE SER POLICIAL?

Em primeiro lugar temos que ter em mente que policial não é constituído para matar, sua função é:

A função das Policias Militares dos Estados e do Distrito Federal, está tipificada no Art.144, §5º da Constituição Federal:

"§ 5º - às polícias militares cabem a polícia ostensiva e a preservação da ordem pública; aos corpos de bombeiros militares, além das atribuições definidas em lei, incumbe a execução de atividades de defesa civil."

Policiamento Ostensivo: aquele que é realizado de forma que, quer pelo fardamento, equipamento ou viatura seja de imediato reconhecido pelas pessoas;
Preservação da Ordem Pública: é a polícia repressiva imediata, a mediata é função da Policia Civil e Federal, ocorre no caso de desordens, brigas, inclusive de torcidas ou confusões entre estes e causadas por estes, existe ainda a intervenção, quando há a quebra da ordem pública, onde a Polícia Militar pode intervir utilizando da força necessária (coerção) de modo a restabelecer a ordem;
Cabe também a Fiscalização e o Policiamento Ostensivo de Trânsito, ex. vi no Art.23, III do CTB e Anexo I do CTB

"III - executar a fiscalização de trânsito, quando e conforme convênio firmado, como agente do órgão ou entidade executivos de trânsito ou executivos rodoviários, concomitantemente com os demais agentes credenciados;"

"POLICIAMENTO OSTENSIVO DE TRÂNSITO - função exercida pelas Polícias Militares com o objetivo de prevenir e reprimir atos relacionados com a segurança pública e de garantir obediência às normas relativas à segurança de trânsito, assegurando a livre circulação e evitando acidentes."

Quanto ao mérito da honestidade eu nem comento, já que o MILITAR, diferente de qualquer outra categoria, deve zelar por seu BRIO, coisa que dinheiro nenhum compra, todavia, a honestidade é a regra destes SOLDADOS, que diferente dos da União, estão sempre em guerra, a corrupção é a exceção. ( autor: Soldier)

Partindo deste princípio, um militar cristão pode MATAR?

Art. 23 do Código Penal - Decreto Lei 2848/40

Art. 23 - Não há crime quando o agente pratica o fato: (Redação dada pela Lei nº 7.209 , de 11.7.1984)
I - em estado de necessidade; (Incluído pela Lei nº 7.209 , de 11.7.1984)
II - em legítima defesa;(Incluído pela Lei nº 7.209 , de 11.7.1984)
III - em estrito cumprimento de dever legal ou no exercício regular de direito. (Incluído pela Lei nº 7.209 , de 11.7.1984)

O policial pode ferir ou tirar a vida desde que esteja enquadrado na lei pressuposta, além de estar amparado pela Palavra de Deus.
TODA a alma esteja sujeita às potestades superiores; porque não há potestade que não venha de Deus; e as potestades que há foram ordenadas por Deus. Por isso quem resiste à potestade resiste à ordenação de Deus; e os que resistem trarão sobre si mesmos a condenação. ( sofrerão as conseqüências, c.f. vers 4 ). Porque os magistrados não são terror para as boas obras, mas para as más. Queres tu, pois, não temer a potestade? Faze o bem, e terás louvor dela. Porque ela é ministro de Deus para teu bem. Mas, se fizeres o mal, teme, pois não traz debalde a espada; porque é ministro de Deus, e vingador para castigar o que faz o mal. ( Rom. 13:1-5 )

Vemos exemplos nas escrituras: ( Ir. Marschall )


OBSERVAÇÃO: Não é ministro de Deus, o juiz, o promotor, o delegado ou o policial enquanto pessoa - mas o poder que eles representam, e a autoridade que o Estado lhes confere.

Portanto, agindo dentro da legalidade da lei, estão amparados pela Palavra de Deus.

O que muitos esquecem, e alguns ignoram, é que a Obra de salvação entre os gentios começou exatamente em um Quartel Policial Militar.

Sim, naqueles dias não havia a Polícia Judiciária (civil); só criada séculos depois. Então a função era uma só: de polícia e militar. Pois bem:

Cerca das 3 horas da tarde (nona hora do dia) um anjo visitou o Centurion de nome Cornélio. Este era um semi-prosélito do judaísmo (adorava o verdadeiro Deus mas não era circuncidado).

De passagem, diga-se, que "Centurion" é palavra romana que designava um comandante militar em torno de 100 homens. O que conhecemos até nossos dias, como um "capitão" comandante de uma Companhia.

Com a visita que o anjo fizera a Cornélio; outra fora feita no dia seguinte ao Apóstolo Pedro, quando lhe apareceu o tão conhecido lençol com uma variedade de animais e aves, com a ordem: mata e come.

Cornélio, dando ordem a um soldado que fosse buscar a Pedro, conforme fora instruído na visão; e, então, a Obra se completou, em um quartel de policia militar, em Jope. (  Ir. Alceu )

Muitos podem dizer que a Palavra de Deus diz: “Não matarás”.

SIM, mas isto qdo o homem age por vontade própria, mas qdo está sob a ordem de Deus, ele é isento de pecado e punição, pois está sendo apenas um INSTRUMENTO de Deus para castigo dos ímpios.

Temos que entender a soberania de Deus sobre a VIDA. Pois se Deus criou a vida, Ele tem o direito de tirá-la.
Pois se o homem tivesse o poder de criar a vida ele teria tbm o direito de tirá-la; EXEMPLO: Eu construo uma casa, e outro a derruba, o tal será responsabilizado pelo delito feito a mim, mas se eu derrubá-la não terá problema algum, afinal fui eu que a construí, sou o dono.

Em Êxodo 20:13 onde diz “não matarás”; o Senhor dá a lei ao homem para obedecê-la, pois o homem não criou a vida, ele não tem poder sobre a vida, de modo que ele não tem direito de atentar sobre a vida, seja dele mesmo ou de outrem.


No caso da polícia, ela é constituída para evitar que se mate; nunca para matar.

Agora, no estrito cumprimento do dever, quem diz que a polícia não trás a espada debalde é a Palavra de Deus, escrita por Paulo inspirado pelo Espírito Santo, logo é de Deus a ordem.
E Paulo não falava por si mesmo, e qdo o fazia deixava claro que tinha permissão para tal, pois tinha o Espírito Santo:

Mas faço-vos saber, irmãos, que o evangelho que por mim foi anunciado não é segundo os homens. Porque não o recebi, nem aprendi de homem algum, mas pela revelação de Jesus Cristo. ( Gl. 11,12 )

Digo, porém, isto como que por permissão e não por mandamento. ( I Co. 7:6 )


CONSELHO: Todo cristão que é Policial ou pretende ser, tem que estar ciente da lei, seja ela terrena ou a de Deus; MAS sobre tudo ter vocação para a função, para que mais tarde não venha transgredir a Palavra de Deus e as responsabilidades que profissão exige.
Se vc se sentirá acusado em tirar uma vida [ pois tem o risco da profissão ], não seja policial ou deixe ser..

Pois o princípio dos versos abaixo deixa claro que tudo o que não é por fé é PECADO.

Tens tu fé? Tem-na em ti mesmo diante de Deus. Bem-aventurado aquele que não se condena a si mesmo naquilo que aprova. Mas aquele que tem dúvidas, se come está condenado, porque não come por fé; e tudo o que não é de fé é pecado. ( Rom. 14:22,23 )

Alguém pode dizer: Basta ter fé no que faço, não estarei pecando!? SIM, desde que a Palavra de Deus deixe o direito de escolha, no caso do assunto abordado, ex:

Posso ser policial ? Sim, desde que ande conforme a lei, e faça por fé.
Sinto-me mal sendo policial. Ok, mas não julgue o teu irmão que exerce a profissão, afinal, ele está amparado pela a Palavra de Deus.

Deus nos dá essa liberdade. ( Ir. Marschall )

Palavras do Sargento cristão Monteiro do BOPE ( Batalhão de Operações Policiais Especiais ) do Rio de Janeiro:
PERGUNTA: O que passa na sua cabeça, quando em combate, acontece uma situação: "eu mato ou morro"?

Sargento Monteiro ( BOPE ): Essa pergunta é uma pergunta que não se cala, somos policiais e estamos aqui para cumprir e fazer cumprir a lei, o Código Penal não nos autoriza, mas prevê  "excludente de ilicitude"; quando em legítima defesa, sua e de outrem, venha infelizmente tirar a vida de um marginal, um traficante; isso quando for dentro da lei.
Em combate saímos com intenção de preservar vidas. Fazemos de tudo, para levar o traficante, o marginal preso, porém quando existe resistência com arma de fogo, agimos em legítima defesa. Eventualmente um traficante pode ser baleado e isso não significa que ficamos felizes com isso, ainda mais que cremos que a vida ceifada, poderia ter aceitado a Cristo.( fonte: Instituto Jetro )


Tenho comigo que ficou bem explanado.

Abraço fraterno. Deus vos abençoe!


21 comentários:

  1. Caro irmão, esse assunto é polemico e cada um deve estar seguro no seu proprioi animo, como bem recomenda a Santa Palavra. Todavia; como em todas as profiss~eos temos que agir com o principio da razoabilidade, moderação. Conheço um irmão faz uns 20 anos que foi d policia, agora eta aposentado; um irmão de fino trato, muito hospitaleiro; todavia não falava, ou evitava ao maximo falar do trabalho material. Como atuo na área de segurança no ambito federal, conversando com o pessoal colega dele (PM estadual), por fonte segura me inoformaram que na cidade onde ele atuava o juiz da cidade (falo o que ocorria a 20 anos) tinha tal confiança nesse nosso irmão que "encomendava" a prisão ou rapto de alguns meliantes, dando a orientação se era para vim vivo ou morto. Dessa forma, virou mito e lenda na pacata cidade o nome desse irmão ( que na epoca estava parado de congregar, estando hoje firme novamente) e segundo o colega, acredita em 50 a 60 "sumiços" por conta da atuação da policia de exterminio de meliantes! Fato que ocnheci e presenciei, esse assunto me fez questionar a afirmação desse ex colega do irmão outrora, mas o caso é veridico e pode ser confirmado por outro colega de farda, esse ultimo meu irmao carnal e nosso irmão na fé tbem! Essas coisas Deus julgará, mas particularmente "não mato uma formiga, por acreditar ser um sistema complexo criado por Deus, aquele peqwueno inceto é uma maquina perfeita de altissíma tecnologia e conhecimento imenso que nenhum ser humano pode recriar e portanto nem anular/matar. Quanto mais os nossos semelhantes!!! O homem produz absurdos, acredito que precisamos de ter uma cultura voltada "para a VIDA" e não"Para a morte! AS armas nã oletais devem ser potencializadas, o preparo do pessoal de segurança também, para nã oter tanto medo, como se verifica atualmente, e assim agir com mais técnica, mais prudencia, acertadamente, protegendo o cidadão sem cometer delitos para conte-los, o que seria uma clara contradição, o que infelizmente ocorre historicamente nos quadros sog]bretudo da s PMs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então mude de emprego meu amado! No nosso país, não tem educação, e a inversão de valores são grandes. Bandidos matam policias e cidadãos honestos. Mas a lei dos homens acobertam. Mas na palavra divina que se encontra em êxodo 22,2 diz: Se o ladrão for pego roubando e for ferido,quem feriu não será digno de morte. Se vc tem medo de morrer,e mais medo de se defender,mude de profissão.

      Excluir
  2. Sim, como terminei a explanação do tema proposto,cada esteja seguro em seu próprio ânimo, pois como disse:
    Posso ser policial ? Sim, desde que ande conforme a lei, e faça por fé.
    Sinto-me mal sendo policial. Ok, mas não julgue o teu irmão que exerce a profissão, afinal, ele está amparado pela a Palavra de Deus.

    Qto a história que relatou, ambos ( Juíz e policial ) estavam fora da Palavra de Deus e contrário ao principio ético e legal da lei.

    Não se pode confundir a INSTITUIÇÃO com os maus profissionais.

    Deus te abençõe!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade! Deus proíbe extorquir,e punir inocente.

      Excluir
  3. Daniel Z. Jr
    Primeiramente gostaria de de dizer que sou Católico e Franciscano e gostaria de manter um dialogo,

    quanto ao assunto sei que em muitos casos é dificil de encontrar um emprego adequado, porém nossa profissão deve ser escolhida conforme nossa vocação, tendo em mente que não devemos transgredir as leis de Deus, somos chamados a santidade, no lugar em que moramos e trabalhamos, assim temos de ser bons e mostrarmos isso no nosso dia a dia, que a Sagrada Face de Jesus se mostre na sua face,
    Isto é, sua conduta deve te diferenciar e provocar converção.

    Se com isso você se acha capaz de ser policial
    A Paz de Cristo para você,
    Porém se vier algum dia a matar alguem este peso ninguem ira tirar de sua alma.

    Paz e Bem a todos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é uma resposta,pois palavras com inspiração Divina temos que aceitar e refletir.Glória a Deus por sua palavra

      Excluir
    2. Palavras inspiradas dispensa comentários.Daniel Z.Jr,voçê esclareceu minhas dúvidas,pois sou evangélico e sempre acreditei que Deus quer nos usar para proclamar o evangelho e ser exemplo de Cristo...

      Excluir
  4. ok. Continuo com a mesma postura. Deus te abençõe e continue frequentando o blog.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  5. Não sei se este é o lugar ideal para propor novos post's e fazer perguntas, mas eu gostaria de saber de você que, pelo que ja li conhece bastante de Biblia, sendo crente como você vê estas passagens:

    João 1:42 a respeito do Papa

    João 20:21
    (João 20:22)sopro > (Gn 2:7)
    João 20:23 a respeito da confisão

    seguindo esta linha temos ainda:
    Matt. 09:06, Marcos 2:10, Lucas 5:24, Matt. 18:18, 2 Coríntios 5:18, Tiago 5:15-16, 1 Tm. 02:05, por fim lembrando um pouco do AT: Lev. 5:4-6; 19:21-22(Deus se usa de sacerdotes para expiar os pecados).

    todos estas passagens sendo lidas a respeito da autoridade do homem (ungido) em perdoar pecados, e ainda que ha a necessidade de se Humilhar diante de Deus(que se mostra atraves destes Homens)Tiago 5:16, Tiago 5:14-15, Atos 19:18, Matt. 03:06, Marcos 01:05, 1 Tm. 06:12, 1 João 1:9.

    E ainda sabendo que os bispos estão cada um em sua linha de ordenação ligados a um dos Apostolos.

    Eu gostaria de saber o posicionamento protestante a respeito do exposto.

    quero deixar bem claro que isso é muito importante não só para mim mas para muitos e também acredito que para você e sua crença em Nosso Senhor.

    Aguardo sua resposta,
    Atenciosamente,
    Daniel Z. Jr

    ResponderExcluir
  6. Daniel Z. Jr.

    Olá, paz e graça da parte de Deus e do Sr. Jesus. Na verdade, esse não é o lugar ideal para debatermos assuntos desta natureza, mesmo pq aqui não é um fórum, e além do mais os freqüentadores poderão manifestar opiniões e automaticamente o blog sairá do propósito pelo qual eu o fiz, MAS em respeito a tua pessoa responderei as tuas indagações postando uma matéria sobre o tema, pois é um assunto que precisa de uma boa exegese, exigindo um artigo extenso.

    TODAVIA, se depois tiver mais perguntas peço que se dirija ao meu e-mail: marschall_neri@hotmail.com e terei o maior prazer em responder as indagações segundo a luz da Palavra de Deus. Desde já agradeço a compreensão

    Deus te abençõe!

    ResponderExcluir
  7. Daniel Z. Jr

    Eis a resposta as tuas indagações, entre nos links:

    PARTE 1
    http://marschall-neri.blogspot.com/2011/06/perdoar-pecados-protestante-x-catolicos.html

    PARTE 2
    http://marschall-neri.blogspot.com/2011/06/perdoar-pecados-protestante-x-catolicos_09.html

    Deus te abençõe!

    ResponderExcluir
  8. Boa tarde!
    Gostaria de saber se quando um policial (cristão ou não), se depara com um ladrão ou traficante, já imobilizado ele pode matar esse bandido? O certo é matar ou levar para a delegacia? Pq o que eu tenho visto hoje é uma carnificina e uma onda de violência crescente. A policia igualando as suas atitudes com a atitude dos bandidos, hoje em dia a ética e o "juramento" servem de enfeite. Eles têm leis próprias e decidem quem vai à juízo e quem morre. Me esclareça, obrigada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cara vnp-oliveira, no Brasil o numero de policiais militares ultrapassa 400.000. Por acaso todos são assassinos como você diz? Sua opinião é muito ingênua e limitada, visivelmente manipulada por mídia sensacionalista.


      Excluir
  9. Vnp tudo bem? qto a tua indagação o texto é bem claro acerca do assunto, e a resposta é: Evidente que o policial não pode matar (no caso especificado), ele só o pode fazer se estiver dentro do artigo 23 do código penal que diz:

    Art. 23 - Não há crime quando o agente pratica o fato: (Redação dada pela Lei nº 7.209 , de 11.7.1984)
    I - em estado de necessidade; (Incluído pela Lei nº 7.209 , de 11.7.1984)
    II - em legítima defesa;(Incluído pela Lei nº 7.209 , de 11.7.1984)
    III - em estrito cumprimento de dever legal ou no exercício regular de direito. (Incluído pela Lei nº 7.209 , de 11.7.1984)

    Em outro caso é um criminoso e não policial. O fato de existir quem age assim, não quer dizer que todos o fazem.

    Deus te abençõe!

    ResponderExcluir
  10. Boa Tarde,

    Sei que o post é antigo mas procurando assuntos a respeito me deparei com o blog e gostaria de apoveitar a oportunidade para tirar uma dúvida. E no caso de outras profissões que o profissional tem que lidar com situações complexas em termos de fé. Por exemplo um perito criminal em informatica concursado. Em suas atribuições está, a mando do delegado, realizar perícias em computadores afim de encontrar provas sobre pedofilia, ponografia ou prostituição infanto-junvenil.

    Neste caso para ele realizar o trabalho e emitir o laudo ao delegado de polícia ele deverá encontrar as fotos ou vídeos contendo tais práticas. O fato de neste caso um cristão visualizar este tipo de conteúdo no exercício da função seria análogo à questão abordada acima? Ou seja, teria algum amparo Bíblico ou não?

    Visto que temos um polícial federal que comentou acima e tem contato com esse tipo de profissional seria interessante a opinião dele também, caso seja possível.

    Obrigado pelo espaço!

    Fiquem com Deus



    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A pergunta foi:

      O fato de neste caso um cristão visualizar este tipo de conteúdo no exercício da função seria análogo à questão abordada acima?

      Sim, segundo o meu entendimento bíblico vejo como um análogo entre as profissões, para tal profissional existe códigos de ética bem formulados e que devem ser obedecidos.
      Além do mais, o profissional estará em contato com tais provas com intuito de fazer justiça ao suposto criminoso, e não em busca de prazer carnal execrável, neste caso este também seria um sujo digno de ser condenado também.
      E a regra é válida para os cristãos que exercem tal profissão ou que pretendam exercer, fazer conforme a fé de cada um, e se o cristão tem uma fraqueza por tais coisas, o melhor é orar a Deus para uma libertação, buscar tratamento especializado e se abster de qualquer coisa que venha o fazer desejar o que Deus abomina. Pois se tem desejo por tais práticas já está em pecado diante de Deus, se cometer o crime está em pecado diante de Deus e merecedor de condenação perante a lei penal.

      Porque os magistrados *não são terror para as boas obras*, mas PARA AS MÁS. Queres tu, pois, não temer a potestade? Faze o bem, e terás louvor dela. Porque *ela é ministro de Deus para teu bem*. Mas, se fizeres o mal, teme, pois NÃO TRAZ DEBALDE A ESPADA; porque é ministro de Deus, e vingador para castigar o que faz o mal. (Romanos 13:3-4)

      Quanto ao policial do BOPE dar seu comentário, não será possível pois a matéria foi retirada da entrevista que ele deu e cuja fonte esta anexo a postagem.
      Quanto ao policial militar graduado e reformado ir.Alceu, talvez consiga um comentário dele, embora não vejo que seja necessário.

      Deus te abençoe. Abraço fraterno.

      Perdoe-me a demora, havia me esquecido, perdoe-me!

      Excluir
  11. Sou policial militar e concordo com marschall, e aqueles policiais que agem em desacordo com a lei, estao trasgredindo os mandamentos de DEUS, devemos agir dentro da legalidade, mesmo que isto custe a nossa vida, e com certeza se for necessario atirar contra alguem o policial deve faze lo dentro da legalidade, para que esteja amparado, o abuso de poder deve ser punido!

    ResponderExcluir
  12. Para completar: Está escrito nas bíblia:

    Todas as Policias,Governantes, Reis e Rainhas do mundo são procedidas de Deus.

    Em Romanos 13:1 Todo homem esteja sujeito às autoridades superiores, porque não há autoridade que não proceda de Deus; e as autoridades que existem foram por ele instituídas.



    Em 1Pedro 2:13 Sujeitai-vos a toda instituição humana por causa do SENHOR; quer seja ao rei, como soberano;



    14 quer às autoridades como enviadas por ele, tanto para castigo dos malfeitores, como para louvor dos que praticam o bem.



    15 porque assim é a vontade de Deus que pela prática do bem, façais emudecer a ignorância dos insensatos.




    Para aqueles que menosprezam quaisquer governos(do Céu e da Terra).

    2Pedro 2:9 é porque o SENHOR(Jesus Cristo) sabe livrar da provação os piedosos, e reservar, sob castigo, os injustos para o dia de juízo.

    10 especialmente, aqueles que, seguindo a carne, andam em imundas paixões e menosprezam qualquer governo. Atrevidos, arrogantes, não temem difamar autoridades superiores,

    11 ao passo que anjos, embora maiores em força e poder, não proferem contra elas juízo infamante na presença do SENHOR.

    EM LUCAS 3:14 Também os SOLDADOS(da época e de hoje) lhe perguntaram: E nos, que faremos JOÃO? E ele lhes disse: A ninguém maltrateis, não deis denúncia falsa e contatei-vos com o vosso soldo.

    Que Deus continuem lhes abençoando a TODOS em nome de Jesus cristo, amém,amem e amém.

    ResponderExcluir
  13. Olá Sr. Marschall, a paz de nosso Senhor Jesus Cristo!

    Tbm sou cristão, sempre admirei as autoridades policiais e sempre me entristeci toda vez que via alguns casos de "bandidos" disfarçados de policiais.

    Sonho ardentemente em fazer parte do DPRF.
    É algo que descobri recentemente, tenho 24 anos, mas é como se fosse sonho desde criança, porém minha unica dúvida era justamente se haveria algum problema pelo fato de ser evangélico. Mas suas explicações totalmente baseadas na Palavra de Deus foram suficientemente satisfatórias para responder a esse dilema: O cristão pode sim ser policial.

    Que Deus continue abençoando sua vida, sua família e seu trabalho!

    Fica na paz..

    ResponderExcluir
  14. policiais seguem ordem do governo e não de DEUS,seguindo ordens policiais prenderam e mataram jesus.haverá um tempo onde o anticristo governara o mundo e dará ordem aos policiais para perseguirem e matarem os cristãos.porque satanás disse :pele por pele tudo que tem dará o homem para sua vida, todo policial morre de medo de perder o seu emprego,o mundo e o seu governo jaz no maligno.

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...