domingo, 14 de março de 2010

OBRA ( ODETE ) - IR. SANTINHO


Esta obra é uma das maravilhas ( carro chefe, rsrsrs..... ) que o ir. Jesus Alberto Cintra costuma contar ( Santinho de Goiás ).
É sobre a Odete, que é tia da esposa dele, irmã do seu sogro, a vovozinha dela morou com o ir. Santinho até pouco tempo, quando escutei esta obra ela tinha case 90 anos de idade, ela agora mora em Ribeirão Preto/SP.
Esta avózinha ficou viúva, Deus a chamou na graça, chamou a Odete, primeiro chamou a irmã da Odete que eles a chamam de Nega que mora em Santo Amaro/SP. E a irmã Odete começou a namorar um rapaz chamado Gabriel que era estranho a nossa fé.
Então sua avozinha a aconselhava dizendo: Filha, você não pode namorar esse moço, porque ele não serve a Deus, imagine você casada com ele e você querer ir a igreja e ele vai para outros lugares, como que você vai fazer? Espere no Senhor que o que ele prepara é abençoado. Más a Odete não queria terminar o relacionamento.
Então um dia Deus mandou a sua Palavra e disse assim: “Moça, a pessoa que você está pretendendo se casar é uma sucuri e ela está pronta para te dar o bote. Ela está só esperando o momento certo para te atacar e te destruir”. Então, após o culto, a Odete estava com sua avozinha que disse: Vc viu o que a Palavra falou?
Mas a Odete respondeu: Ué gente, até parece que é só eu que vou casar nesta igreja! Mas foi ela que tinha ido buscar a palavra!
A Odete encontrou-se com o Gabriel e disse que eles não poderiam se casar. Passou alguns dias teve um batismo e o Gabriel foi assistir e se batizou.
E chegou para a Odete e disse: Agora nada nos impede de nos casarmos Odete, pois eu me batizei também na sua igreja, e agora sou vosso irmão, podemos casar agora sem nenhum impedimento. A Odete não deu ouvidos a Palavra de Deus e casou-se com o Gabriel.
Casaram-se e foram morar num sítio longe da cidade, chegando lá a primeira coisa que o Gabriel fez foi acender o fogão a lenha, pegou o véu da Odete e rasgou em tiras, jogando no fogo e gritava: Queima aí, Deus da Odete, queima aí, Deus da Odete! Pegou o Hinário dela, rasgava página por página e jogava no fogo e dizia: Queima aí, Deus da Odete!
Da mesma forma tomou a Bíblia da Odete, tirou folha por folha e jogou nas chamas e dizia: Queima aí, Deus da Odete, queima aí, Deus da Odete!
A vida da Odete se transformou NUMA TRIBULAÇÃO, tinha desejo de orar, de ir a igreja, de ler a bíblia, de cantar um hino, mas o Gabriel não deixava.
Muitas vezes a Odete saia e ia orar no meio do mato, ali ela tirava um galho da árvore e cobria com as folhas sua cabeça no lugar do véu, mas todas as vezes que o Gabriel a encontrava orando ele a levantava a pontapés.
Ele a fazia matar o frango destroncado e dizia para ela fazer-lo, obrigando-a a comer.
Ela dizia: Eu sou uma serva de Deus e não posso fazer isto, pois é carne sufocada.
Mas ele dizia: come ou morre!
A irmã Odete fazia o que ele mandava, depois ela ia para trás da casa e colocava o dedo na garganta até causar ânsia de vomito para jogar toda a comida.
O tempo se passou e num determinado dia o Gabriel chegou para a irmã Odete e disse: Hoje eu vou te matar!
Pegou sua espingarda e apontou para a irmã Odete, ela correu para não perder a sua vida, mas o Gabriel apertou o gatilho, mas pela misericórdia de Deus o tiro saiu pela culatra e atingiu uma árvore que estava atrás do Gabriel, queimando todo o seu ombro, o seu peito, além de entortar seu rosto.
A partir daquele dia o Gabriel deu uma melhorada. Começou a deixar-la congregar de vez em quando e a orar. Mudaram de cidade e foram morar numa casinha de chão batido, pau a pique. Vieram os filhos, quatro no total e nossa irmã Odete adoeceu e ficou de cama.
Então o Gabriel trouxe uma “concubina” para morar com ele, uma moça de 19 anos e montou uma cama de casal na sala.
A irmã Odete sofria com sua enfermidade junto com seus filhos numa cama toda quebrada, cheia de percevejos e ainda tinha que tolerar seu amado esposo, a quem tinha dedicado sua vida e juventude dormindo nos braços de outra mulher dentro da sua própria casa.
A avozinha da Odete pedia para o irmão Santinho que a leva-se até a casa deles, pois queria ver como estava sua neta, e todas as vezes que chegavam lá, encontravam a irmã Odete doente junto aos filhos dormindo no quarto e o Gabriel com sua amante no meio da sala.
Então aquela mulher ficou grávida e o Gabriel achava que não era seu filho e a devolveu para os pais, trazendo a irmã dela de 17 anos para morar com ele.
Finalmente o Gabriel resolveu levar a irmã Odete ao médico, foi descoberto um câncer maligno, a irmã Odete ficou muito triste e num determinado dia nosso irmão Santinho a pedido da avozinha retornaram a aquele lugar e decidiram levar a irmã Odete para se tratar de sua doença na cidade.
Ela ficou então morando junto com seus filhos em um barracão que o irmão Santinho tem nos fundos de sua loja. Depois disto a irmã Odete orou ao Senhor e disse assim: Senhor, eu estou com uma doença incurável aos olhos humanos e meus filhos precisam de mim, sou como homem e a mulher desta casa, se eu morrer o que vai ser deles? tem misericórdia e me dê pelo menos 10 anos de vida ainda, pois assim meus filhos estarão crescidos e daí tu podes colocar de volta o câncer em mim.
E a irmã Odete foi congregar. E na Palavra o Senhor disse assim: MINHA FILHA! LEMBRA-TE QUE NOS DIAS DA TUA MOCIDADE TE DISSE PARA OBEDECER A MINHA PALAVRA, POIS O INIMIGO TINHA TRAÇADO UM PLANO MALIGNO NA TUA VIDA, MÁS TU NÃO OBEDECEU E AGORA VC ENCONTRA-SE EM AFLIÇÃO, PORÉM EU ATENDEREI AO TEU PEDIDO!

E a irmã Odete confiou na Palavra, porém não contou a ninguém a sua petição. O câncer levou embora seu útero, um dos seios e ovários.
Os dias se passaram e os médicos a chamou e disseram: Dona Odete, não sabemos o que aconteceu, mas a senhora está curada, todos os exames que lhe pedimos mostra que o seu câncer desapareceu por completo e a senhora pode levar uma vida normal novamente.
A partir daquele dia a vida da irmã Odete era cantar, sorrir e dar glória a Deus; trabalhava de dia e noite para cuidar de seus quatro filhos.
De dia fazia faxina em algumas casas e a noite passava ou lavava roupas.
O irmão Santinho presenciou muitas vezes as luzes acesas pela madrugada a fora. Nunca encontrou-a reclamando, sempre sorrindo e dando glória a Deus.
Durante suas noites de trabalho, ela tinha a garrafinha de café e enquanto trabalhava tomava seu cafezinho para não dormir. Um dia a irmã Odete foi fazer o café e notou que tinha acabado, então clamou ao Senhor: Senhor! Acabou o meu café, eu gosto tanto de café e não tenho dinheiro para comprar, também não vou pedir a ninguém, pois tu diz pela tua palavra que filho teu não mendiga o pão.
E o Senhor a respondeu a ela: SAÍ NA FRENTE DA TUA CASA.
Ela saiu e ficou encostada no muro, havia ao lado daquele barracão que a irmã morava um terreno baldio aonde jogavam lixo.
A irmã olhou para o céu e falou: Mas Senhor, aqui no lixo eu vou encontrar o que?
Deus disse: FIQUE EM PAZ PORQUE QDO DEUS QUER ATÉ NO LIXO TAMBÉM SE ENCONTRA TESOUROS!
De repente dois rapazes descarregaram algumas caixas do supermecado que ali existe.
O Senhor então falou com a Odete: VAI ATÉ AQUELAS CAIXAS E PEGUE O QUE EU TE PREPAREI.
Ela foi e quando pegou uma das caixas, havia um fardo fechado de pacotes de 100 gramas de café embalado a vácuo.
Então ela disse assim: Ah! Deve estar vencido, para eles terem jogado tudo isso aqui.
E o Senhor a repreendeu dizendo: MINHA SERVA, EU NÃO DOU NADA ESTRAGADO PRA NÍNGUEM! LEVE PARA TUA CASA, POIS FUI EU QUE PREPAREI!

Ela entrou para sua casa dando Glória ao nosso Deus. O irmão Santinho foi visitá-la e acabou sendo o primeiro a tomar a primeira xícara daquele café que Deus preparou.
E lá continuava criando seus filhos e trabalhando dia e noite, em um determinado dia a nossa irmã passava por uma rua, quando se deparou com um pé de manga, e olhando para aquele pé de manga tão lindo e carregadinho, a irmã Odete clamou ao Senhor em seu coração: Senhor, que vontade de comer uma manga, ah! Senhor, que bom seria se eu pudesse comer uma manga dessas, mas não tenho dinheiro para comprar e também não vou pedir para ninguém, pois filho teu não mendiga o pão, prepara pra mim Senhor, pois tu és o meu Pastor e nada me deixará me faltar.
Neste mesmo momento o irmão Santinho passava por uma rua no centro da cidade cheia de carros estacionados de ambos os lados, e ali tinha uma pessoa vendendo mangas e o Senhor falou em seu coração: COMPRE UMA SACOLA DE MANGA E LEVA PRA ODETE.
E o irmão Santinho, vendo que não podia parar naquela rua por tratar-se de mão única e não haver mais espaço para outros carros o ultrapassarem replicou: Más Senhor, eu não posso parar aqui.
E Deus repetiu no seu coração: COMPRE UMA SACOLA DE MANGA E LEVA PRA ODETE. O irmão olhou pelo retrovisor e nenhum carro estava atrás do seu. Então ele chamou o vendedor que vendeu-lhe uma sacola de mangas. O irmão foi embora e guardou-a em sua loja, passou alguns minutos a Odete chegou e ele foi e deu as mangas a ela e disse que o Senhor tinha preparado.
Ela começou a chorar e falar em evidências de novas línguas e dizer: Senhor agora mesmo eu disse que estava com vontade de comer uma manga e tu me ouviste e preparaste manga pra mim, tu és mesmo o meu pastor e nada tens me deixado faltar.
E assim passaram-se os 10 anos que ela havia pedido ao Senhor e num dia de culto o Senhor falou pela Palavra: O TEMPO JÁ É CHEGADO, O CÂNCER QUE FOI EMBORA ESTÁ NA HORA DE VOLTAR.
Depois do culto ao redor da mesa na casa do irmão Santinho a irmã Odete então falou: Olha; hoje o Senhor falou muito comigo pela palavra!
O irmão respondeu: É Odete hoje Deus com todos nós!
Ela resplicou: NÃO, mas hoje o Senhor falou comigo cara a cara e boca a boca!
É Odete, o que Deus falou? Perguntou o ir. Santinho.
Respondeu ela: Até hoje eu não havia contado a ninguém, mas eu pedi que o Senhor me acrescentasse 10 anos de vida quando foi diagnosticado o câncer em mim, para que eu pudesse criar meus filhos e que após esse tempo se fosse da vontade Dele, que voltasse a doença, então agora seja feita a vontade de Deus.
O câncer voltou e a Odete ficou pele e osso sobre a cama, os filhos haviam crescidos, mas eram uma tribulação, uma das filha que havia se casado separou e voltou morar com a mãe pois o marido a abandonara deixado sozinha com uma criança pequena, outra que o Senhor havia selado com a promessa aos 9 anos estava parada na graça e não manifestava mais, o filho desempregado comprou um aparelho de som e ficava ouvindo musica no último volume o dia inteiro e nem ligava para a mãe enferma na cama.
A irmã Odete então falou com o Senhor: Senhor, até hoje não tive paz na minha vida, permita que eu possa ter paz para morrer.
Um dia a irmã Odete chamou o irmão Santinho e pediu se ele poderia levar o seu filho para congregar, pois ele estava sentindo desejo de ir, o irmão disse que levava e então ela disse: O irmão me leva também, que hoje eu sinto de congregar. Colocou-a no carro e levou-a.
Na liberdade da testemunhança, a irmã Odete levantou e foi se escorando nos bancos foi testemunhar e cada fileira que ela passava o Senhor visitava a irmandade com a promessa do Espírito Santo, então assim ela se despediu dos irmãos.
Na Palavra naquela noite o Senhor prometeu que iria aparecer com um sinal na vida de alguém que estava ali congregado.
E o seu filho chegou em casa dizendo que era com ele que a Palavra havia falado, mas não sabia como o Senhor apareceria.
Além do som que ele ouvia o dia inteiro, a noite qdo ia se deitar colocava um fone de ouvido e sintonizava a sua rádio preferida e ficava escutando.
Em um dia escutando a rádio ela saiu da sua programação e começou a tocar o coro do hino 56 que diz:
Foi Jesus quem me salvou
Foi Jesus quem me salvou
Seu amor anunciarei
Foi Jesus quem me salvou
O seu nome Glorificarei

Ele pulou da cama assustado e chamou a sua irmã a Adriana que tinha sido batizada com dom de línguas aos nove anos ao qual não manifestava mais: Adriana, corre aqui, vem ver o movimento que o Senhor está fazendo, ouve aqui!

Foi Jesus quem me salvou

E a Adriana começou a manifestar o dom de evidencias de novas línguas.

Chamou a outra irmã e disse: Ouve o que o Senhor está fazendo comigo!

Foi Jesus quem me salvou
Seu amor anunciarei

A Adriana falou: Isso deve ser uma coincidência, muda de rádio pra você ver. Mudou para outra estação.
Foi Jesus quem me salvou.
Mudou de novo:
Foi Jesus quem me salvou.

Foi quando o rapaz filho da Odete falou: Essa é a confirmação de Deus que temos que ficar em paz nessa casa para que nossa mamãe morra em paz, só damos desgosto pra ela, não lhe damos paz ao menos para morrer.
E a irmã Odete escutou aquele barulho e viu os quatro se abraçando e chorando, dom de línguas, mesmo sem entender nada o que se passava, perguntou o que havia acontecido, pois os quatro brigavam muito e o filho disse: Mãe é o sinal do Senhor na nossa vida, ouve aqui no rádio:
Foi Jesus quem me salvou
Foi Jesus quem me salvou
Seu amor anunciarei
Foi Jesus quem me salvou
O seu nome Glorificarei.

Assim Deus recolheu Sua serva em paz, tendo ela deitado ao pó da terra com a esperança da vida eterna.
Estes são os caminhos do Senhor na vida daqueles que Ele ama, muitas vezes incompreensível a mente de muitos, mas o que importa que entendendo ou não o Senhor nos leve para o Seu reino de glória!

Aleluiaaaaaaaaaa! Amém Senhor!

Como dizia o saudoso irmão Gilberto: Sem perna, sem braço, sem cabeça, eu creio que entrarei no reino da glória de Deus! ALELUIAAAAAAAAAAAAAA!

Glória a Deus e os anjos digam Amém! Rsrsrsrs...................

Oh, glóriaaaaaaa!

5 comentários:

  1. Alguem conheçe o irmao Isakinho de itapetininga?
    ele é bastante conheçido e tem uns milagres terrivel
    peguei um culto uma vez em Igaraçu do tiete, eu fui la para ver o don de Deus em primeiro lugar ne, depois para ver o irmao ademilson coperador de la que e muito usado, andei 600 km quase para congregar, e quando chego la me levanta esse menino testemunhar, eu nao dava nada, mais ele contou 3 milagres que expludiu a igreja, quando ele sentou o povo estava arrebatado ja, na palavra o povo ja ficou na comunhao com ele e ele levantou, a igreja levitou, o irmao ademilson tinha chegado atrasado e nao estava no atendimento, na ultima oraçao ele buscou os dons de Deus e Deus manifestou grandemente na igreja
    Uma obra que o isaquinho contou foi que ele tinha uma amiga que era de outra cidade por nome de julia
    era muito amiga dele, ela era muito crente e desde criança sempre viram obras juntos, o cabelo dela enrolado batia no calcanhar, ela era aux de jovens e menores,
    Mais um dia uma prova espiritual tomou ela de tal maneira que ela nao conseguia mais sentir Deus
    e ela ligou pro Irmao ISaquinho e disse se ele era mesmo amigo dela e a considerava, ele disse que sim mais queria saber porque, ela disse que era pra ele orar por ela que fazia dois meses que ela nao sentia mais Deus, foi quando ele disse que iria orar, ela desligou,
    Passou mais dois meses ela ligou de novo perguntando se ele estava orando mesmo porque fazia 4 meses que ela estava naquela prova, ele disse que sim ela disse que nao sentia mais Deus, buscava e nao sentia, e ja tinha ate colocado um colar, foi quando ele se condoeu e ficou muito triste e nervoso com ela, mais dois meses ela ligou de novo e a mesma coisa da prova espiritual
    UM dia quando completou 8 meses de prova ela ligou e disse
    A paz de Deus Isak, ele disse amem, ela disse vc e meu amigo mesmo?
    ele disse que sim ela disse, entao clama a Deus por mim que eu nao aguento mais a prova,eu coloquei o colar, nao estou mais com força de congregar, nao auxilio mais as crianças, mais meu cabelo eu nunca cortei, eu nao pequei contra Deus, busco sua presença e nao sinto, nao sei o que esta aconteçendo, mais hoje se ele nao apareçer com a sua presença eu vou cortar o meu cabelo, ele disse nao julia, ela disse vou sim, so nao vou cortar se Deus manifestar em mim sua presença ainda nessa ligaçao , senao vou desligar e nunca mais vou te ligar,esta ligaçao sera uma despedida se Deus nao fazer um milagre, ele disse que Deus mostrou o hino 157 pra ele mais ele nao cantou e perguntou pra ela
    JULIA tem ALguma coisa no chao?
    ela disse o que isak?
    ELE DISSE UMA COISA QUALQUER
    ela disse
    tem uma TAMPINHA de garrafa descartavel
    ele disse pega ela na MAO QUE DEUS VAI FAZER Uma MILAGRE!!!!

    GLORIA DEUSSSS!!!!

    ELA PEGOU A TAMPINHA" NA MAO E DISSE PRONTO ISAK
    EU ESTOU NA RUA DO SALAO, A POUCOS METROS DO SALAO, SE DEUS NAO FIZER UM MILAGRE EU VOU ENTRAR E CORTAR O MEU CABELO
    ELE DISSE
    NA COMUNHAO julia
    JOGA ESSA TAMPINHA PRO ALTO , EU VOU CONTAR DE 7 A 0 E QUANDO TERMINAR VC JOGA QUE VC MESMA VAI VER SE DEUS TE AMA AINDA OU NAO
    ELA DISSE COMO
    ELE DISSE QUANDO EU TERMINAR VC JOGA, A LEI DA GRAVIDADE E TUDO QUE SOBE CAI NOVAMENTE, MAIS VC VAI JOGAR ESSA "TAMPINHA" SE ELA CAIR NOVAMENTE DEUS NAO TE AMA MAIS, MAIS SE ELE TE AMA ESSA TAMPINHA VAI SUMIR NO ESPAÇO!!!!!

    GLORIA DEUSSS!!!

    ELE CONTOU 7 6 5 4 3 2 1 0 ELA RAPIDAMENTE LANÇOU A TAMPINHA PRO ESPAÇO QUANDO ELA SUBIU DESAPAREÇEU NO ALTO, QUANDO A JULIA VIU ISSO DEUS TOMOU ELA NA LINGUAGUEM E MANIFESTOU A VIRTUDE NELA, ELA CORRIA PELAS RUAS DA CIDADE GRITANDO QUE DEUS AMAVA ELA, ARRANCOU O COLAR E FOI SERVIR A DEUS COM ALEGRIA, ELE DISSE QUE HOJE ELA CASOU MORA EM GOIANIA E É MAE DE DUAS SERVINHAS DE DEUS

    GLORIA DEUSSS!!!

    SINTO DEUS QUANDO LEMBRO DESTA OBRA...

    Essa foi uma das obras que ele contou la em igaraçu
    esse dia marcou igaraçu do tiete, Isaquinho de itapetininga...
    Deus abençoe a ele e a todos que creem no Don de Deus...Abraço
    APAZ DE DEUS!!!!

    ResponderExcluir
  2. Amém. Ir. Deivid muito me alegrei no Senhor com essa maravilha, senti Deus grandemente; amado em Cristo que não seja a ultima obra a contar, compartilhe mais, quero glorificar a Deus pelos Seus feitos.

    Deus te abençõe grandemente!

    Fique com Deus!

    ResponderExcluir
  3. olha sou a ir.laisa eu chorei e senti apreçensa de deus com esse testemunho

    ResponderExcluir
  4. APDD ESSE TESTEMUNHO FALOU PROFUNDAMENTE NO MEU CORAÇÃO ÁS VEZES ME PERGUNTO PQ DEUS NÃO FAZ ALGO GRADIOSO ASSIM COM MIGO,SOU DIVORCIADA A 4 ANOS E ORO A DEUS PELO MARIDO QUE TENHA SIDO CASADO SEJA VIUVO OU DIVORCIADO E TENHA FILHOS PEQ AINDA PARA SÉR CRIADO COM O MEU QUE SÓ TEM 3 ANOS E 7 MESÊS MAIS NADA ACONTESSE AGORA VOU BUSCAR MAIS EM ORAÇÃO PQ SEI QUE ESSA GRAÇA E DE DEUS E O QUE E DE DEUS SE CUMPRE APDD!

    ResponderExcluir
  5. MAIS UMA VEZ O NOME DO SENHOR
    SEJA HOJE E ETRNAMENTE GLORIFICADO
    PELA SUA GRANDE BONDADE. ESSA OBRA
    EM NOME DE JESUS JUNTO COM TODAS
    AS OUTRAS QUE LI VAI EDIFICAR
    A MINHA VIDA. DEUS SEJA LOUVADO
    AMÉM!!!

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...